A IMPORTÂNCIA DO TRATAMENTO DA ÁGUA NOS BEBEDOUROS

Atualizado: 15 de jul.

A água é um recurso natural fundamental para a produção de bovinos de corte e de leite. Ela deve estar disponível em quantidade e boa qualidade, o que exige certos cuidados com o tratamento da água a ser oferecida.



Existem algumas medidas que promovem o tratamento da água no bebedouro e que trazem muitos benefícios aos animais e ao pecuarista que se preocupa com o bem estar animal, são eles:


1. Fichas de leitura do bebedouro: seja de papel ou digitalmente, é importante observar e anotar o que está sendo verificado, como o grau de sujidades, temperatura, pH da água, por exemplo.


2. Frequência da limpeza: com data marcada, em intervalos mais curto possível, sendo o ideal de pelo menos 2 vezes por semana, mantendo a água sempre limpa.


3. Avaliação de PH da água: é um parâmetro operacional e tem funcionalidade para a classificação a partir da observação da água. Significa, portanto, que essa escala mede o grau de acidez, neutralidade ou alcalinidade de diversos elementos (líquido, terra etc). Para saber sobre a quantidade de acidez, neutralidade ou alcalinidade presente na água, especialistas utilizam aparelhos como medidores ou fitas medidoras de PH.


4. Avaliar a quantidade de matéria orgânica: quando a limpeza não acontece com frequência, é comum acumular no fundo do bebedouro certa quantidade de matéria orgânica, ou seja, crescimento de algas e outros microrganismos.


5. Limpeza mecânica: trata-se de esfregar paredes e chão com vassoura e escova, fazendo uso da própria água que está no bebedouro.


6. Removedores de impurezas: para fazer o melhor aproveitamento pode-se utilizar produtos como decantador e algicida de forma correta, desta forma é possível reutilizar a água. Em período de estiagem esta pode ser uma maneira de realizar o melhor aproveitamento em lugares onde ocorre escassez de água.


Os decantadores e algicidas devem ser utilizados com controle e medida correta para a quantidade de água a ser tratada pois são pesticidas químicos e quando não utilizados corretamente podem causar danos aos animais.


Os animais acabam levando para o bebedouro restos de alimentos e quando não há a limpeza adequada esse material orgânico pode promover o desenvolvimento de microrganismos prejudicando a qualidade da água, limitando o consumo ou podendo causar enfermidades.


O médico veterinário da Currais Itabira, Eduardo Vargas, ressalta “que a água de qualidade é uma das principais fontes que mantém a qualidade de vida dos animais, permitindo que eles se mantenham saudáveis, o que contribui para o rendimento animal, beneficiando o seu bem estar”.


Por estes motivos é importante manter a disciplina e realizar a limpeza do bebedouro como parte do processo de bem estar animal, pois promover uma água com qualidade pode evitar doenças nos animais e prejuízo ao pecuarista.

BENEFÍCIOS DO BEBEDOURO DA CURRAIS ITABIRA

Nossos bebedouros são fabricados em concreto auto adensável, com capacidade para 300L e 1.200L, com ele, é possível oferecer água de qualidade para os animais, garantindo sua saúde e a rentabilidade da produção.